Ações Encerradas

Diga o que pensa a quem manda!

ACTUALIZAÇÃO A 2010/07/14 - Grande vitória! Após meses de campanha, e depois de ter reunido ontem, 13 de Julho, com a Plataforma Transgénicos Fora, o Ministro da Agricultura António Serrano anunciou que o nosso governo vai estar contra a aprovação do arroz transgénico "ao nível técnico e ao nível político". Falta agora conseguir que um número suficiente de países faça o mesmo nas votações em Bruxelas! Esta campanha obteve todo o sucesso a que aspirávamos.


Pela primeira vez uma empresa (a alemã Bayer) pretende comercializar arroz transgénico na União Europeia. Até aqui as plantas transgénicas estavam praticamente limitadas às rações animais. Mas agora a engenharia genética vai chegar directamente ao nosso prato. O que fazer?

1º passo: Informe-se!

SABIA QUE...

... o arroz é o alimento mais importante do mundo? Mais de metade da população mundial come arroz todos os dias. E, de entre os europeus, os portugueses são os maiores consumidores de arroz: cada um de nós come em média cerca de 17 quilos por ano!

... a empresa Bayer pretende que a União Europeia aprove em 2010 a importação e consumo do arroz LL62, um arroz transgénico que é muito diferente do arroz convencional tanto em termos de vitaminas (B5 e E), como em cálcio, ferro e ácidos gordos?

Clique aqui para continuar a ler!

Polegares para cima e para baixo


Em 7 de Julho de 2010 os eurodeputados da União tiveram a oportunidade de mostrar o que pensavam sobre o direito dos consumidores à rotulagem de alimentos provenientes de animais alimentados com rações transgénicas. Considerando que quase todos os transgénicos em circulação se destinam a aviários, suiniculturas e pecuárias, torna-se crucial conhecer quais ovos, leite, carne (e peixe, para aquaculturas) e seus derivados provêm desse tipo de cadeia alimentar.

No que toca aos nossos eurodeputados, o resultado foi lamentável: se a votação tivesse sido só com portugueses, a proposta de rotulagem era liminarmente chumbada. Embora o Bloco de Esquerda e o PCP tenham votado unanimemente a favor da rotulagem, no PSD e no PP todos votaram contra. O PS dividiu-se: Vital Moreira absteve-se, Capoulas Santos e Correia de Campos votaram contra, e só os restantes quatro votaram a favor.

Se sentir que há alguns eurodeputados a precisar de ouvir de que lado estão os interesses do consumidor, pode consultar os seus emails aqui.

No final a proposta não passou: era necessária maioria absoluta (369 deputados a favor) e houve apenas maioria simples (351 a favor e 296 contra). Se todos os deputados portugueses tivessem votado a favor, teríamos ficado a apenas 6 votos de atingir a maioria absoluta.

Ciclo de Cinema: Como comer no séc. XXI?

Junho de 2010 - Neste início de século, a forma como nos relacionamos com o mundo está a ser transformada em todos os aspectos.

Vivemos concentrados em grandes centros urbanos com uma vida cultural abundante. Os centros comerciais oferecem-nos um sem número de opções onde gastar o nosso dinheiro, e parece ser isso que define o nosso conceito de qualidade de vida. As viagens de avião de baixo custo fazem parecer que estamos mesmo a viver numa aldeia global… Ao mesmo tempo, com a internet e os “gadgets” electrónicos, queremos estar sempre perto de tudo. Enquanto isso esquecemos a importância de algumas necessidades básicas, como a alimentação. Não sabemos, ou não queremos saber o que se esconde por detrás das prateleiras dos supermercados. Mas devíamos!

TRANSGÉNICOS NA EUROPA: O ADEUS AO ARROZ?

2010/04/17 _ Votar não ao arroz transgénico é prevenir para não ter de remediar
O Ministério da Agricultura vai ser chamado – tudo indica que em 2010 – a votar em Bruxelas a proposta de aprovação para importação e comercialização da primeira variedade de arroz transgénico na União Europeia, que é também o primeiro transgénico dirigido essencialmente ao consumo humano. Porque é em Portugal que mais se come arroz per capita em toda a Europa, e porque os portugueses são dos europeus menos informados sobre agricultura transgénica, é urgente lançar o debate público sobre o que representa a transformação irreversível deste pilar da nossa gastronomia e alimentação e, desta forma, garantir que o governo não decide sozinho...

Homenagem ao Arroz Doce: Foto-reportagem

2010/04/17 - Hoje a Plataforma Transgénicos Fora esteve no Porto e em Lisboa com o arranque público da sua campanha pela protecção do arroz e contra a aprovação de arroz transgénico. Ao todo, durante a tarde, passaram largas centenas de pessoas pela Homenagem ao Arroz Doce em que, por entre festa, música e provas de arroz doce, se trocaram informações e se assinaram muitas cartas para o Ministro da Agricultura.

Clique aqui para ver as fotos!

Venha homenagear o arroz doce!

AGORA TAMBÉM NO PORTO! Às 15h, nos Aliados (perto do McDonalds), para todos os que na Invicta gostam de arroz e querem continuar a comê-lo sem transgénicos!

No dia 17 de Abril de 2010 a Plataforma Transgénicos Fora vai homenagear publicamente o arroz doce. Se gosta de arroz, em particular deste prato exemplar da nossa doçaria, venha ter connosco e ajude à festa! Pode aproveitar para dizer ao Ministro da Agricultura que vote contra a aprovação de arroz transgénico para Portugal e União Europeia, que está para breve. O arroz que conhecíamos está de saída - não o deixe ir embora!

Mais Testes com Transgénicos em Portugal - Por favor diga não!

Está aberta até às 24h de 28 de Março de 2010 a consulta pública sobre o pedido da Monsanto para ensaios de campo durante 3 anos com o milho transgénico NK 603. Se quiser mostrar a sua discordância é muito simples: assine e envie a carta tipo abaixo, com ou sem as suas alterações, para o email da consulta: cpogm@apambiente.pt
Se quiser que o presidente da Agência Portuguesa do Ambiente também receba, inclua igualmente este email: agh@apambiente.pt
Depois de enviar, divulgue esta mensagem pelos seus amigos e conhecidos para que participem também!

Diga ao nosso ministro de que lado estamos!

ACTUALIZAÇÃO EM 8 DE JULHO DE 2009 - Já 148 473 pessoas participaram nesta acção em toda a Europa. Em Portugal houve 761 mensagens enviadas ao Ministro do Ambiente. Ainda não está marcada a próxima votação, por isso ainda vale a pena mandar o seu email: veja abaixo como fazer - é muito simples!


ACTUALIZAÇÃO EM 2 DE MARÇO DE 2009 - Boas Notícias! Teve hoje lugar a primeira votação desta série, no Concelho Europeu de Ambiente (com os ministros) e a proposta da Comissão Europeia que pretendia impedir a Áustria e a Hungria de proibirem o milho transgénico MON 810 nos seus países saiu derrotada! Eram precisos 255 votos num total de 345, e conseguiram-se 282. Vêm aí mais votações até ao Verão, mas esta já está ganha!


Faça-se ouvir! Na segunda-feira dia 2 de Março de 2009, em Bruxelas, vai ter lugar a primeira de uma série de votações sobre transgénicos que é decisiva para o futuro próximo desta tecnologia na UE. Não estão ainda marcadas as seguintes.

Consulta pública: participe!

ACTUALIZAÇÃO EM 8 DE JULHO DE 2009 - Foram 622 as cartas que o Ministério do Ambiente recebeu na sequência desta ciber-acção. Dos três locais pedidos para ensaios, um deles foi chumbado. Obrigado pela participação!


Até ao dia 3 de Abril de 2009 às 24h está aberta a consulta pública relativa ao pedido da empresa Monsanto para ensaios de campo com milho transgénico. Os terrenos em causa ficam em Salvaterra de Magos e Évora, mas todos os portugueses podem (e devem) participar. Se não concorda que a Monsanto venha fazer experiências para Portugal, tem à disposição abaixo uma carta tipo que pode enviar depois de modificar como entender - não esquecer de preencher com o nome e número de bilhete de identidade no final do texto. Para mais informações contacte a Plataforma Transgénicos Fora pelo email info@stopogm.net. O parecer final da Plataforma está disponível aqui.

Páginas

Subscribe to Ações Encerradas

Gostaria de nos apoiar?

FALE CONNOSCO