PTF

Aniversário

Aniversário

Amanhã, 25 de Julho de 2019, faz exatamente um ano que o Tribunal de Justiça Europeu publicou um acórdão histórico com o intuito de clarificar que a nova geração de plantas e animais geneticamente modificados não passava disso mesmo: uma nova leva de seres geneticamente modificados sujeitos à legislação europeia correspondente e em vigor há anos. Esta posição representa um balde de água fria para as aspirações da indústria dos transgénicos. As técnicas de engenharia genética mais recentes (sobretudo a…

Continuar a ler Continuar a ler

Como se os cientistas tivessem sempre razão

Como se os cientistas tivessem sempre razão

O debate sobre a inocência do glifosato envolve os atores previsíveis, desde ambientalistas a agricultores, responsáveis autárquicos e governamentais, cientistas, empresas da agroquímica e, claro, o consumidor anónimo. De um lado está a decisão da Organização Mundial de Saúde (OMS) que em 2015 classificou este herbicida como cancerígeno em animais de laboratório e do outro figuram numerosas agências reguladoras (EFSA, ECHA, EPA…) que chegaram a uma conclusão de sinal oposto.

CONTAMINAÇÃO CRÓNICA POR GLIFOSATO EM PORTUGAL

CONTAMINAÇÃO CRÓNICA POR GLIFOSATO EM PORTUGAL

2019/02/25 _ 100% de contaminação com esta substância cancerígena

A Plataforma Transgénicos Fora lançou uma iniciativa em 2018 para testar a presença de glifosato em voluntários portugueses. As análises, realizadas em julho e em outubro com o mesmo grupo, demonstram uma exposição recorrente ao herbicida e apontam para uma contaminação generalizada por glifosato em Portugal.

Algumas pistas para reduzir a exposição aos herbicidas à base de glifosato (e ajudar o organismo a lidar com o que entrar)

Algumas pistas para reduzir a exposição aos herbicidas à base de glifosato (e ajudar o organismo a lidar com o que entrar)

Neste documento encontra alguns conselhos que irão ajudar a reduzir a exposição e impacto do glifosato. Esta lista não é exaustiva, nem é preciso fazer tudo o que está indicado para receber benefícios. Basta escolher alguns dos itens – os que pode incorporar no seu dia-a-dia desde já sem dificuldade – e depois ao longo do tempo tentar introduzir mais algumas mudanças. Como não há limiar de segurança, qualquer passo na direção certa já vale a pena.