O folheto que irritou a Monsanto!

O folheto que irritou a Monsanto!

ACTUALIZAÇÃO EM AGOSTO DE 2009 – Depois de uma onda de controvérsia, a brochura foi recolocada online no site do Ministério da Agricultura brasileiro. Aparentemente a distribuição em papel também está a ser retomada. Uma coisa é certa: se a Monsanto pretendia abafar este documento, o que conseguiu foi uma enorme publicidade e divulgação para o mesmo, dentro e fora do Brasil. Bom trabalho!


Julho de 2009 – O Ministério da Agricultura brasileiro (que está longe de ser anti-OGM!) publicou uma brochura de divulgação da agricultura biológica onde tem duas frases simples, objectivas e pacíficas sobre transgénicos:

«O agricultor orgânico não cultiva transgênicos porque não quer colocar em risco a diversidade de variedades que existem na natureza. Transgênicos são plantas e animais onde o homem coloca genes tomados de outras espécies.»

A empresa Monsanto ficou enfurecida e movimentou todas as suas influências. Conseguiu bloquear a distribuição do documento em papel e fez ainda que ele fosse retirado do site do Ministério da Agricultura brasileiro. Liberdade de expressão? Democracia? Nada de confusões. Esta empresa prefere a linha do pensamento único, obviamente traçada por eles.

Mas, enquanto a Monsanto não consegue fechar a democracia no mundo inteiro, aproveite para descarregar a brochura brasileira “O Olho do Consumidor”

One acerca de “O folheto que irritou a Monsanto!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *