Procuram-se cientistas independentes

Procuram-se cientistas independentes

De acordo com um trabalho científico (disponível abaixo) publicado na revista Environmental Values (intitulado Scientistsʼ Perspectives on the Deliberate Release of GM Crops, de Kvakkestad e outros) caiu por terra o mito da independência intrínseca dos cientistas – pelo menos quanto à problemática dos transgénicos. O grupo de investigadores noruegueses verificou que a posição dos cientistas face aos OGM variava consoante a entidade a que estavam ligados ou a entidade de onde recebiam dinheiro para a sua investigação. Por exemplo, nenhum cientista financeiramente ligado à indústria via riscos específicos nos OGM, mas os cientistas que não recebiam dinheiro da indústria apresentavam em média posições mais críticas dos OGM. Conclusão: da próxima vez que ouvirem um cientista a defender os OGM, perguntem-lhe de que cor é o dinheiro que lhe passa pelo laboratório.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.